18/01/2010

Eu facilmente...

Eu facilmente
me deixaria perder
Nesses oceanos
que são seus olhos
E navegaria além do infinito
E deixaria meu mundo
mais bonito
Olhando-o atravéz de você.

Me apaixonaria mil vezes
e todos os dias,
por tudo o que você é.

Eu facilmente me encontraria
em seus braços, beijos e abraços
E mudaria mnha rotina
Meu mundo...

Eu facilmente seria sua
e sua.
É só você pedir
É só você permitir...

Eu facilmente te escreveria mil poemas
Um livro, uma coleção!

EU facilmente te entregaria
Meu coração!

Ana Suely Marques
TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

Pois eh, esse poema tem sim um "destinatário"... Que tem tirado minha paz ao ficar o tempo todo na minha mente... E é claro que JAH escrevi mil poemas pra ele, rs! Mas ele não sabe dessa paixonite... Por ora é melhor nem saber... A gente tá saindo a pouco tempo, nem sei se estamos saindo, se é que vcs me entendem... rs.
É uma droga essa intensidade toda! Ou seja lah o que for isso...
Não consigo não mergulhar de cabeça...
Enfim fica aki registrado, jah que não posso falar pra ele, compartilho com vcs esse meu "segredo" rs!

Bjs e até mais!
PS: Até o fim da semana continuo o conto Sobre Meninas!

10 comentários:

A.S. disse...

Aninha...

Dissipa o medo
Veste-te de amor
Liberta o desejo
Antecipa as palavras
Em esquinas de luz

Rasga o véu que oculta
As carícias
Alonga os braços
Para além da dor
E ama… o Amor!...


Beijos....
AL

Nathalie disse...

Oi Ana!

O amor é mesmo confuso... rsrsrs

=*

Luidgi disse...

Nesse caso, é bem melhor ser careta.
Valeu pela visita.

Fernanda Carlos disse...

Oii liinda! Tava com saudade de vir aquii, tuudo bem?
Se te faz bem esse sentimento não faz mal nenhum vive-lo com intensidade máxima hein?!!
Beeijoo e ótimo 2010 atrado! hihi :*

Muri disse...

Nossa que poema lindo! quantos poemas lindos! deve ser um sentimento muito forte mesmo!
adorei aqui e voltarei mais vezes!
beijooos e boa sorte com a pessoa! hehe

meus instantes e momentos disse...

Acordei feliz, (é uma das manias minhas)e deu vontade de desejar pra voce um ótimo domingo...
Maurizio

Poeta de um mundo caduco... disse...

O amor... esta vontade de entrega, a uma única pessoa...
Esse querer ser, ter, sentir, viver... tudo, como se fóssemos um único ser... vc e a pessoa amada...
Lindo...

Hod disse...

Sorriso profundo como sua alma.
Habilitada para amar em intensidade vc está. Já sua paixão é um F1. Acelera à 300km p/hora em segundos.
Para não viver uma montanha russa só correndo riscos.
É um dos lindos poemas que tenho encontrado nos meus voos pela net.

Beijo, com muitas bençãos Aninha.

Hod.

Borboleta disse...

Hummm... romantico e intenso. Bom demais!

Vinicius disse...

Ana,

- Eu fico contente por saber que deu tudo certo. Estava aguardando contigo
a resposta. Quanto ao poema e a tua intensidade - quanta beleza há em tais agitos. Não mude nunca essa febre intensa que tens pela vida e pelos sentimentos mais nobres e profundos. Agora retornei; espero que logo possamos nos falar.

Abraço.